sexta-feira, 25 de maio de 2012

Tantra- Em total Intimidade...


De uma forma simples,esta poesia aponta para a base dos ensinamentos tântricos relacionados ao Amor e ao Sexo. Engana-se quem pensa que o Tantra é algum tipo de cultura pornográfica. O Tantra é a Arte de Amor que começa e nunca termina.

"Quando em total intimidade
Com o ser amado
Quando seus corpos nus
E ardentes, se tocarem
Observe a sua respiração
E deixe-a tranquila
Sem nenhuma pressa
E nenhum objetivo final
Apenas entregar-se ao momento
Obseve a respiração dele
Respirando como um
Faça da noite e do dia,
Uma coisa só"

(Chandra Veeresha)

Tantra x Agressão - Sempre que voce agride...


Existe um princípio no Tantra-Yoga que se chama Ahinsa. O mesmo que "não violência". É muito profunda a compreensão do que é ou não violência, mas Ahinsa está totalmente ligado à intenção. Bom sempre se lembrar disso. A frase abaixo é uma pequena observação do que acontece quando as pessoas se agridem.O Tantra é totalmente pacífico. Seus gestos devem ser de Paz. Seu "sexo" deve ser pacífico. O sexo convencional, mais parece uma guerra; uma briga de macho e fêmea. O Tantra é absolutamente sensível...
Bom refletir nisso!!!
Namastê!


“Sempre que voce agride a uma mulher,
Não é a ela que voce realmente agride,
Mas ao feminino que existe em voce.
Sempre que voce agride a um homem,
Não é a ele que voce agride,
Mas ao masculino em voce
Sempre que voce se agride,
Voce agride o feminino e o masculino em si mesmo.
Honrar os princípios masculinos e femininos
Começa pelo respeito a ambas as energias
Em si mesmo
Isto se reflete, com certeza
Na relação e co-relação
Com o outro Ser."

(Chandra Veeresha 12/05/2012)